O melhor para você e do seu jeito

Quanta flexibilidade de horário você precisa? Descubra o que combina mais com sua rotina.

Presencial

4 a 5 dias de aulas presenciais no campus por semana

Semipresencial

Até 2 dias de aulas presenciais no campus por semana

Flex

100% das aulas online e atividades práticas

Digital

100% das aulas online

Posts Recentes

prouni

PROUNI: Conheça mais sobre esse programa!

O PROUNI é um dos principais programas educacionais brasileiros. Criado em 2005, ele já permitiu o acesso à universidade e aos cursos conclusivos semelhantes a milhões de brasileiros.

Ele surgiu a partir de um acordo firmado entre Governo Federal e instituições de educação privada em todo o Brasil. Assim, quem está buscando a vaga universitária não pode deixar de conhecer esse programa.

Abaixo, você encontra informações sobre como ele funciona, quem pode se inscrever e quais são as condições e requisitos. Não deixe de conferir e garanta o seu futuro!

Inscrições para o Prouni 2020 estão suspensas, mas consulta de bolsas  disponíveis continua - País - Diário do Nordeste

DICA:Estude na Estácio com bolsa de até 50%: https://matriculas.estacio.br

Conheça o PROUNI: Programa Universidade para Todos

A sigla representa o Programa Universidade Para Todos, vigente desde 2005 e responsável por permitir a milhões de brasileiros a conquista da vaga na Universidade.

Para entender a importância do programa é preciso ter em mente que as universidades públicas, gratuitas, não possuem vagas para todos os cidadãos brasileiros ou mesmo para quem se forma anualmente no ensino médio.

Ao mesmo tempo, as mensalidades e condições financeiras dos brasileiros tampouco são suficientes para a entrada na universidade privada. Diante disso, o FIES veio superar as barreiras financeiras e de acesso!

Ele o fez por meio de uma parceria com as instituições privadas de educação superior. Elas oferecem bolsas de estudo integrais e parciais e, em troca, recebem benefícios fiscais, dentre outros, do Governo Federal.

Portanto, ela cria bolsas de estudo destinadas aos estudantes de baixa renda e que podem conquistar o diploma superior. 

Requisitos do PROUNI

Desde logo é preciso ressaltar que o Programa Nacional possui inúmeras regras importantes. Dentre elas estão:

  • Ter feito o ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) no ano anterior ou, ao menos 01 vez desde 2010;
  • Não ter zerado a prova de redação e ter no mínimo pontuação 450 no Exame do Ensino Médio;
  • Ter cursado todo o ensino médio em escola pública ou;
  • Curso do ensino médio em escola particular, desde que com bolsa integral concedida pela instituição, à época.

Porém, a regra referente à bolsa de estudo não se aplica aos candidatos com deficiência, independentemente do tipo. Portanto, eles sempre poderão participar dos procedimentos do PROUNI, desde que preencham os requisitos de renda.

Quanto à renda, então, aplicam-se esses requisitos:

  • Para bolsa integral: podem se candidatar apenas quem tiver renda familiar bruta de até 01 salário mínimo e meio por pessoa (R$ 1.650). Assim, por exemplo, uma família (pessoas que moram na mesma residência) composta por 03 pessoas deve ter renda de no máximo R$ 4.950 para que um dos residentes possa se candidatar à bolsa 100%;
  • Para bolsa parcial do PROUNI: para as bolsas parciais o candidato deve ser de família cuja renda não ultrapasse 03 salários mínimos por pessoa. Portanto, no mesmo exemplo anterior, uma família com 03 residentes pode ter renda de até R$ 9.900 e ainda assim usufruir de bolsa. Nesses casos os descontos são de 25% a 50%.

Por fim, há uma exceção à regra: os professores da rede pública de ensino. Aqueles que exerçam magistério na educação básica e sejam integrantes permanentes do quadro da escola também podem se candidatar às bolsas. Nesses casos, contudo, não há requisito de renda.

Prouni: saiba tudo sobre o programa – Vai de Bolsa

Então, quem não pode participar do Programa Universidade para todos?

Para facilitar, não pode participar do programa, conforme regras acima, as seguintes pessoas:

  • Quem cursou o ensino médio em escola particular, com exceção dos bolsistas ou pessoas com deficiência;
  • O estudante que possui renda superior a 03 salários mínimos por pessoa em uma mesma família (pessoas residentes na mesma casa);
  • Professores da rede particular de ensino;
  • Quem não fez o ENEM sequer uma vez desde 2010;
  • Os candidatos que tiverem obtido média geral no ENEM inferior a 450 pontos;
  • Aqueles que tiverem obtido nota igual a zero na prova de redação do ENEM.

Como funciona a inscrição e seleção para o PROUNI?

Por fim, cabe apenas entender como participar dos procedimentos de distribuição de bolsas de estudo. As inscrições no Programa Universidade para Todos ocorrem semestralmente, da mesma maneira que o FIES.

Assim, é possível se inscrever tanto no início do ano quanto no início do segundo semestre. As inscrições são gratuitas e ocorrem no próprio site do programa.

Já a seleção no PROUNI obedece duas fases. A primeira se destina às pessoas que fizeram o ENEM do ano anterior. Ou seja, os estudantes que estão concluindo o ensino médio.

A segunda fase, por sua vez, inclui os professores da rede pública (conforme regras acima) e pessoas que cumprem os demais requisitos, mas que fizeram o ENEM em um ano que não seja o anterior.  

Portanto, a primeira fase possui as vagas principais e, a segunda, aquelas remanescentes. Assim, se você preenche esses requisitos e deseja conquistar sua vaga na universidade, não deixe de participar do programa de distribuição de vagas.

A educação gera conhecimento e transforma vidas ao tirá-las das trevas e trazê-las para a luz.
- Marianna Moreno -